domingo, outubro 03, 2010

A palavra de hoje é INFLUÊNCIA.

Ok, já faz tempo que não posto nada, mas de uns dias pra cá tem me vindo essa palavra na caixa preta e hoje, finalizou um idéia.
Só um minuto pra colocar a música que to ouvindo...
“Sei que na sala do trono está eu quero ir pra lá”
Queria tanto que JESUS voltasse logo, mas voltando ao assunto...
DESCOBRINDO PALAVRAS – Influência (latim medieval influentia, -ae)
s. f.
1. Acto! ou efeito de influir.
2. Influxo, ascendência, preponderância.
3. Acção! que uma pessoa ou coisa exerce noutra.
4. Entusiasmo.
5. Acção! exercida pelos astros nos corpos sublunares.
6. Fís. Acção! dos corpos electrizados! exercida nos outros corpos.

OK, então. ESSA semana encontrei com um brother da facul nos “corredores”, perguntei a respeito de seu trabalho relacionado a uma matéria, ele disse que havia mudado os planos e que foi pesquisar sobre o Lewis, o cara eu eu havia falado na aula, o trabalho dele vai ser de um texto desse cara.
Hoje, Débora Rezende Sant’ana, pregou e em seu sermão usou o texto de Paulo que fala: “Sede meus imitadores, como eu sou de Cristo”. Ela usou umas palavras bem características, como “cara”, “tipo assim” e pra FINALIZAR ela disse: Jesus é o cara. DEVO lembrar que ela tem só 10 anos? Ok, me zuaram, neh? Afinal de contas quem é defensora da gíria como nova língua?
Eu tenho uma birra com Paulo, isso é fato, o cara tem que ser mesmo muito bom pra dizer: “Ei olhem pra mim, pq eu sou ki nem JESUS”.
Outra coisa foi um vídeo que passou sobre escola bíblica, tipo, do cara que “inventou” a EBD.
Isso tudo me levou a reflexão.
Quem eu tenho sido a ponto de influenciar as pessoas? E quanto as pessoas são influenciáveis?
“Usando o 6° ponto do significado da palavra...” 6. Fís. Acção! dos corpos electrizados! exercida nos outros corpos. Aí eu lembro do episódio do chaves quando seu madruga toma um choque e os que encostam nele tbm vão tomando choque. A vida Cristã tem que ser assim, e se não for, se não formos um condutor da energia (eu falando de física?) então pra que estamos mentindo? Pra quem?

Karol FLEGLER

Nenhum comentário:

Postar um comentário