sábado, abril 23, 2011

SonOeto de Final – idade.

A vida só faz sentido quando os sentidos deixam de sentir e passam a refletir, reflexo disso é a poesia e o poeta, que não ama a poesia porque não é amado.
Isso tudo é muito bem tramado por todos aqueles que não mentem, a saber, os desgraçados.
Eis a grande diferença entre o palhaço e o poeta, qualquer coisa e nada podem fazer os dois amarem, mas só um deles dirá a verdade. Que Dói. Por isso riem.
Cada palhaço esconde o poeta que é sobre seu rosto, em seu nariz vermelho deposita seu amor.
O choro é sabido por todos – é feito de lágrimas
E quem sabe do que é feito o riso?
Por isso poeta e palhaço é diferente, um tem gosto de sal e outro nem tem.
Um tem um amor platônico e outro também.
Um tem riso de graça e outro da desgraça.
Um finaliza a canção e outro começa.
Um dança e outro cansa.
Um mente e outro desmente.
Difícil é saber quem é quem.
Um dá sentido pra vida e outro busca o sentido pra ela.
Quem é quem busca e quem dá?
Teve sentido escrever isso tudo pra dizer que poeta e palhaço são a mesma pessoa?
Poeta de alma e palhaço é o coração.
Karol FLEGLER

Nenhum comentário:

Postar um comentário